quinta-feira, 29 de março de 2007

Falta-me a força
para pensar
as palavras que me faltam
nestes momentos contraditórios do meu querer.
Faltam-me momentos
De força
Para contradizer o pensar
Do meu sentir,
Falta-me tudo

Quando não sinto o que quero.



Joaquim Marques

3 comentários:

Anónimo disse...

Se a tristeza vier por qualquer motivo, faça o seguinte:
Assopre o pensamento triste,
deixe escorrer a última lágrima,
conte até vinte.
Abra então a janela,
aquela que dá para o voo dos pardais,
procure a luz que pisca lá na frente
(evite as sombras que ficaram lá para trás).
Ao encontrá-la,
coloque-a dentro do peito de tal jeito,
que possa ser notada do lado de fora;
acrescente agora uma pitada de poesia,
do tipo que passa por nós todos os dias
e nem sequer consegue ser notada;
aumente o brilho,
com toda intensidade de que um sorriso é capaz.
A felicidade é o seu limite,
e o paraíso é você mesmo quem faz.

Anónimo disse...

A verdadeira essência da felicidade para mim...é saber que quando fazemos algo por alguém por algum amigo por quem amamos.....saber que essa pessoa sente uma felicidade enorme por termos tido essa acção...a minha satisfação é saber que podemos dar felicidade aos outros....sem pensarmos em nos por momentos.....a alegria que os outros sentem é a minha alegria,

AUDREY disse...

A quem diga que "querer é poder..."
Mas nem sempre isso acontece...
Porque não é só de querer que vivemos...e sim do poder de quem está nas mãos...
Mas quando esse poder estar em nossas mãos...
Algo nos impele a complicar...
O ser humano complica demais as situações !...
E nessa indecisão...corremos o risco de fazer besteiras...
As vezes por que pensamos demais....as vezes por que não pensamos nada...
Vai entender essa vida...rs
Beijos meu gatinho